16 MAR 18

Luto por todas

Para as mulheres da Ação da Mulher Trabalhista (AMT), luto é verbo. Recorrente e intenso, segue motivando e mobilizando cada uma das trabalhistas contra as injustiças, ataques e opressões que flagelam o viver de crianças, jovens e adultas.

Na quarta-feira (14), foi a vereadora Marielle Franco, no Rio de Janeiro, de forma bárbara. Ontem, hoje e amanhã, sim, novos outros casos em diversos cantos do Brasil.

Isso não é normal – muito menos aceitável – e será sempre combatido por todas nós, que estamos no dia a dia lutando por uma nação mais justa, igual e fraterna.

São tempos sombrios, que merecerem uma reflexão e a devida atenção para os sinais e consequências do momento fascista e ditatorial brasileiro.

Vamos para as ruas, para os parlamentos e para onde nós quisermos. Pela Marielle, pela Maria, pela Joana e por todas as demais companheiras que batalham e sobrevivem, cada uma da sua maneira, principalmente anônima.

Podem tentar, mas o silêncio não é uma palavra de ordem para nós. A resistência continua. O caminho é longo.

Mulher na luta. AMT presente!

Crédito da foto: Nunah Alle

Galeria de fotos

Sírley Soalheiro

Sirley Soalheiro é vice-presidente nacional da Ação da Mulher Trabalhista e secretária-geral do PDT de Minas Gerais.

COMENTÁRIOS