PDT do Paraná e Fundação lançam “Quartas Trabalhistas”
19/06/2019 10:23:17

O PDT paranaense e a Fundação Leonel Brizola – Alberto Pasqualini (FLB-AP) promoverão nesta quarta-feira (19), a partir das 19 h, na sede do partido, o primeiro evento da “Quartas Trabalhistas”, que abrirá espaço ao debate sobre temas da atualidade política e da economia. A estreia do projeto terá como convidado professor Fábio Scatolin, que falará sobre “o quadro econômico nacional: impasses estruturais, dilemas conjunturais”. Scatolin é professor de Economia da Universidade Federal do Paraná (UFPR) desde 1984. Ele integrou a administração Gustavo Fruet, entre 2013 e 2016, na Prefeitura de Curitiba, como secretário municipal do Planejamento. Graduado em Economia pela Universidade Mackenzie-SP (1977), fez ainda mestrado na UFRGS (1989) e doutorado na University of London (1994). SERVIÇO: Quarta-feira, 19 de junho de 2019 Das 19 às 21 horas. Na sede estadual do PDT-PR Rua Alberto Foloni, 41 Curitiba, PR Telefone: (41) 3353-7373

Com apoio da Fundação, Túlio Gadêlha debate cortes na Educação em Garanhuns (PE)
13/06/2019 10:05:56

Por Tatiana Ferreira

O deputado federal, Túlio Gadêlha, parte, nesta sexta-feira (14), em direção ao interior de Pernambuco para participar de um debate aberto no auditório da Câmara Municipal de Garanhuns, às 19h. Com organização da Juventude Socialista do PDT (JSPDT) do município e da Fundação Leonel Brizola - Alberto Pasqualini (FLB-AP), o evento terá como tema “O desmonte do Ministério da Educação e seus impactos no Agreste pernambucano”.

A iniciativa tem por objetivo promover uma discussão sobre as consequências dos bloqueios de verba do Ministério da Educação (MEC) nas universidades e institutos federais da região, além de destacar a importância social e econômica da produção científica no estado.

Para compor a mesa com o parlamentar, outros nomes do cenário local que defendem a bandeira do pensamento crítico também foram convidados: Hélder Carvalho, do PT – Garanhuns, Ana Pontes, da UFRPE/UAG, Jeffeton Monteiro, PSB – Jupi e Maira Campos, vice-presidente da OAB Jovem – Garanhuns.

Com o ideal de dialogar com os movimentos do PDT e fomentar diversos debates e atividades do litoral ao Sertão de Pernambuco, a direção estadual da FLB-AP segue avançando na defesa das causas trabalhistas.

“Temos a expectativa que essa roda de diálogo engaje a população garanhuenses na defesa da Educação pública e de qualidade”, comenta o vice-presidente local da Fundação, Pedro Josephi. 

“No intuito de fortalecer o pensamento crítico e o entendimento sobre seus direitos, a JSPDT Garanhuns vem criando espaços para a formação de cidadãos. Pensando assim, o encontro é o resultado da identificação e interesse de vários jovens da cidade e da região que se sentem pouco representados pela classe política”, explica o presidente da JSPDT Garanhuns, Emanoel Costa. 

Para participar, o interessado deve se inscrever previamente pelo site (www.sympla.com.br/debate-com-tulio-gadelha-em-garanhuns---pe__552244).

Fundação promove aulas gratuitas para o ENEM em Porto Velho (RO)
11/06/2019 16:23:53

*Por Antonio Neto A Fundação Leonel Brizola – Alberto Pasqualini promoveu na manhã de domingo (09), em Porto Velho (RO), o primeiro aulão presencial do curso preparatório do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) no estado. A iniciativa conta com a parceria da escola de samba Acadêmicos da Zona Leste, da Associação Comunitária do Orgulho do Madeira e do Movimento Cultural Darcy Ribeiro. Com a participação de vários professores voluntários, o curso será realizado todos os domingos, na sede da associação de moradores, das 9h às 12h, visando atender a demanda de dezenas jovens e adultos. “A Fundação, através da Universidade aberta Leonel Brizola (ULB), tem o importante compromisso com a educação ao oferecer oportunidades gratuitas a tantos jovens e adultos”,  destacou a deputada federal, Silvia Cristina (PDT-RO). Para umas das coordenadoras do projeto Reinventar Professora Márcia Gondim, “é uma satisfação colaborar com o projeto”. “É um apoio fundamental para que os alunos possam ser vitoriosos no Enem que se aproxima e, assim, garantir o futuro que almejam através do conhecimento”, comentou. A professora e presidente da escola de samba, Anne Mamedes, relata que o conteúdo disponibilizado na plataforma online é um diferencial. “Oferecemos aos estudantes um vasto conteúdo e aulas dinâmicas com toda supervisão de professores”, garantiu. O evento contou ainda com as presenças da coordenadora regional da FLB-AP, Marli Mendonça, da equipe de colaboradores Hudson Mamedes, Railda e Antonio Neto, bem como dos professores Ana Valéria, Marco Cortes, Uilian Nogueira, Márcio Felisberto, Marcelo Barroso e Henny Mamedes.

Movimento Cultural Darcy Ribeiro debate, no Recife, a política de incentivo ao setor
07/06/2019 22:56:55

*Por Tatiana Ferreira

O Movimento Cultural Darcy Ribeiro (MCDR) se reuniu na sede estadual do PDT de Pernambuco, no Recife, para debater as mudanças na lei Rouanet e as políticas de incentivo ao setor no país. 

Em clima de preparação para o seu congresso estadual, as lideranças do MCDR mobilizaram dezenas de representantes locais para o Encontro de Formação. Com o apoio da direção local da Fundação Leonel Brizola - Alberto Pasqualini (FLB-AP), o evento promoveu um debate que aprofundou o impacto das ações do governo Bolsonaro.

Na roda de diálogo, estiveram presentes os presidentes nacional e estadual do MCDR, Roberto Viana e Abidoral, respectivamente; o artista e produtor cultural, Dom Pablo; o presidente estadual da Juventude Socialista, Dennison Fonseca; e o vice-presidente local da FLB-AP, Pedro Josephi.

Para Roberto Viana, a cultura brasileira recebe interferência norte-americana e a necessária identidade do povo está se perdendo. Segundo ele, o novo “colonialismo” dos Estados Unidos não acontece somente através do seu armamento bélico, mas também pelo formato cultural.

“Um exemplo prático disso é o fato de as pessoas correram para o cinema para assistir o filme “Os Vingadores”, em detrimento do “O Homem que Desafiou o Diabo” ou “O Auto da Compadecida”.

“Um povo só é livremente emancipado quando o povo é livremente e culturalmente emancipado”, declarou Viana.

Para ratificar a importância da cultura na sociedade, a Fundação estimula o progresso de atividades que fortalecem o setor.

“Em um estado como o nosso, tão rico em cultura, entendemos que fomentar esses encontros culturais é uma obrigação e deve estar em nossa agenda”, comenta Pedro Josephi.

“Para o nosso povo ser verdadeiramente livre e conservar a sua identidade, precisamos estar na linha de frente e remar contra essa maré antinacionalista e entreguista que o Brasil está vivendo”, concluiu o gestor da Fundação.